Como usar o diazepam em crises convulsivas?

Parece ser uma coisa simples, mas ainda há bastante erro no uso do diazepam para controle de crises convulsivas.

Quando um paciente der entrada na sua unidade ainda convulsionando, mantenha a calma. Lateralize-o e aguarde cerca de cinco minutos até que a crise cesse. Dê a chance para que a crise convulsiva encerre sem a necessidade do diazepam. Isso reduz as efeitos indesejados da droga.

A grande maioria dos pacientes sai da crise sem a droga. Caso a crise persista por mais que isso, infunda uma ampola de diazepam, endovenosa.

Dicas importantes:

1. Nunca use o diazepam intramuscular. Sua biodisponibilidade é bastante errática quando feito por esta via.

2. Não dilua a ampola. O diazepam deve ser administrado puro.

3. Caso fique difícil puncionar o acesso com o paciente convulsionado, você pode lançar mão de 3 mls de midazolam intramuscular.

4. Caso não haja resposta na primeira dose, você pode repetir mais uma ampola. Após isso, caso não responda, outras drogas devem ser usadas.


Leave a Reply

Your email address will not be published.